quinta-feira, 4 de junho de 2009

Fazendo fogueira em casa

O meu fogareiro vai ficar assim....





Esses dias de frio me incentivaram à procurar um jeito de ter um fogareiro em casa, para fazer uma fogueirinha , digamos, mais organizada e bonita, sem afetar o piso da área externa do meu jardim dos fundos e sem afetar também o gramado.Eu adoro poder estar em volta de uma fogueira com os amigos, assar umas batatinhas, tomar um vinho, bater papo noite adentro...Como eu tenho a sorte de morar em casa térrea e ter dois jardins, um na frente da casa e outro nos fundos, maior , com gramado, árvores e muitas plantas, estava sentindo falta de poder acender uma fogueira de vez em quando.O meu jardim da frente é uma coisa mais oriental, com meus bonsai expostos e meus bambus mossó, plantados em vasos grandes, e o piso dessa área não comportaria uma fogueira.E também como é na frente da casa, não me dá a privacidade desejada para ficar ali a noite toda , batendo papo com os amigos...Mas no jardim dos fundos, para onde a minha sala também se abre, juntamente com uma varanda grande, o local é perfeito para fogueiras com os amigos, pois é afastado da rua, tem bastante espaço e além de uma área com piso e bancos,mesinhas, tenho uma área gramada também, com árvores.

Não, INFELIZMENTE essa foto não é do meu jardim dos fundos.Mas com alguma grana, eu poderia deixar lá parecido com isso, e fazer essa lareira ao ar livre, amei essa idéia, mas isso fica para o futuro, por enquanto mandei meu serralheiro me fazer uma peça de ferro rústico, parecida com uma que está aí embaixo.Mas está nos meus planos uma área assim...

Ou assim: olha que coisa bacana, bonita e organizada: fico imaginando uma noitada , no inverno, com amigos e vinho rolando, aquele céu estrelado....E note: quase tudo feito em alvenaria: a lareira se prolonga para o lado, formando o banco.


Outra idéia, um banco em alvenaria em volta do fogareiro.



Essa peça e as duas que aparecem no começo do post me inspiraram na que eu mandei fazer:essa aí é uma peça circular, tipo um tambor cortado, com pezinhos, uma grade interna para se assar algo, a lenha ou carvão vai lá dentro e ainda tem uma tela para cobrir tudo.Note as aberturas na lata do tambor, com desenhos recortados, protegidos com tela, que devem ficar bem interessantes, com a luminosidade do fogo saindo por eles.A minha não vai ser assim tão elaborada, o que mandei fazer é mais parecido com um chapéu chinês, com um metro de diâmetro e uns 40 cm de profundidade, apoiado sobre um tripé de ferro, e não vai ter tampa, só grelha mesmo.Assim que estiver pronto e colocado no jardim, fotografo e posto aqui.Aos interessados em participar de uma noitadinha em volta do meu fogareiro, favor trazer um vinhozinho tinto, pode ser um concha y toro, ok?

Aqui, o básico do básico das fogueiras: um circulo de pedras, unidas com argamassa e mais nada, diretamente sobre a terra.Não é meu caso, já que nas áreas onde há terra no meu jardim, elas estão cobertas com grama.Postei essa só pra ilustrar de como é simples ter um cantinho pra fogueira.E as pedras impedem que o fogo se alastre pelo chão de folhas secas.

Uma versão daquela de pedras, só que mais arrumadinha, com grelha e tudo, diretamente no chão, feita com paralelepípedos e a parte de cima, de pedra tipo mineira (arenito).

E uma ideía mais clean, do site da Michelle Kaufman, uma "lata" de aço, com pedras até a boca e no meio dessas pedras, uma lata para se por querosene para tocheiros (aquela lata própria para isso, com o pavio saindo pela tampa).Achei interessante pela idéia, mas acho que não deve aquecer muito não.Mas é uma idéia para se usar por exemplo, numa varanda de apartamento, pois é bem portátil.

8 comentários:

  1. Flávio também tenho quintal na frente e fundos de casa e pretendo fazer pelo menos uma fogueira neste inverno, junto com as crianças. Elas assistiram em algum filme norteamericano, que assam marshmallow no espeto, nestas fogueiras e querem porque querem assar tb. Só não sei como isso é possível, pois este doce derrete, mas vamos tentar "torrar marshmallows", como dizem. Depois conto a historia. Abraços

    ResponderExcluir
  2. Oi Flavio,
    Adoro muito seu blog e amo suas postagens..E achei muito boa a terceira opção ,da lareira no quintal.Sempre achei que as lareiras era para areas interiores..Mas adorei,ficou incrivel..Aquela imagem é ate convidativa,pena que me falta grana tb(rsrsr)..
    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Nossa, a quarta de cima para baixo, é um sonho de consumo! Perfeita, não só como lareira mas uma área de lazer para reunir amigos em qualquer ocasião.
    Fantástica!

    ResponderExcluir
  4. Parabens, tudo de bom seu bog, sempre pensei em fazer uma fogueira na lage mas era inviavel, mas com essas opçoes amei vou fazer uma igual a sua!

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Para o meu caso de ter um terreno em que se eu puser fogo , ele irá se alatrar, como os"sábios" dos vizinhos que ateram fogo no terreno ao lado deles e este se alastrou pela mata de pínus (perfuma a rua até hoje), ter uma fogueira limitada por pedras seria o ideal.

    ResponderExcluir
  7. Acabei por desenterrar uma caixa d'água de amianto 250 litros, há 10 anos , emborcada na terra no fundo do terreno. Arrastei-a sobre tabuas que nem o sistema dos egpcíos, por rolamento, até na frente do terreno. Enchi de folhas e paus podres .Coloquei fogo e o amianto da caixa d'água não aguentou , explodiu numa lateral. Eu já prevenida com a mangueira aberta ao lado , imediatamente apaguei o fogo, Devo comprar tijolos refratários e pô-los na caixa, terei um bom lugar para queimar coisas velhas

    ResponderExcluir

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Fazendo fogueira em casa

O meu fogareiro vai ficar assim....





Esses dias de frio me incentivaram à procurar um jeito de ter um fogareiro em casa, para fazer uma fogueirinha , digamos, mais organizada e bonita, sem afetar o piso da área externa do meu jardim dos fundos e sem afetar também o gramado.Eu adoro poder estar em volta de uma fogueira com os amigos, assar umas batatinhas, tomar um vinho, bater papo noite adentro...Como eu tenho a sorte de morar em casa térrea e ter dois jardins, um na frente da casa e outro nos fundos, maior , com gramado, árvores e muitas plantas, estava sentindo falta de poder acender uma fogueira de vez em quando.O meu jardim da frente é uma coisa mais oriental, com meus bonsai expostos e meus bambus mossó, plantados em vasos grandes, e o piso dessa área não comportaria uma fogueira.E também como é na frente da casa, não me dá a privacidade desejada para ficar ali a noite toda , batendo papo com os amigos...Mas no jardim dos fundos, para onde a minha sala também se abre, juntamente com uma varanda grande, o local é perfeito para fogueiras com os amigos, pois é afastado da rua, tem bastante espaço e além de uma área com piso e bancos,mesinhas, tenho uma área gramada também, com árvores.

Não, INFELIZMENTE essa foto não é do meu jardim dos fundos.Mas com alguma grana, eu poderia deixar lá parecido com isso, e fazer essa lareira ao ar livre, amei essa idéia, mas isso fica para o futuro, por enquanto mandei meu serralheiro me fazer uma peça de ferro rústico, parecida com uma que está aí embaixo.Mas está nos meus planos uma área assim...

Ou assim: olha que coisa bacana, bonita e organizada: fico imaginando uma noitada , no inverno, com amigos e vinho rolando, aquele céu estrelado....E note: quase tudo feito em alvenaria: a lareira se prolonga para o lado, formando o banco.


Outra idéia, um banco em alvenaria em volta do fogareiro.



Essa peça e as duas que aparecem no começo do post me inspiraram na que eu mandei fazer:essa aí é uma peça circular, tipo um tambor cortado, com pezinhos, uma grade interna para se assar algo, a lenha ou carvão vai lá dentro e ainda tem uma tela para cobrir tudo.Note as aberturas na lata do tambor, com desenhos recortados, protegidos com tela, que devem ficar bem interessantes, com a luminosidade do fogo saindo por eles.A minha não vai ser assim tão elaborada, o que mandei fazer é mais parecido com um chapéu chinês, com um metro de diâmetro e uns 40 cm de profundidade, apoiado sobre um tripé de ferro, e não vai ter tampa, só grelha mesmo.Assim que estiver pronto e colocado no jardim, fotografo e posto aqui.Aos interessados em participar de uma noitadinha em volta do meu fogareiro, favor trazer um vinhozinho tinto, pode ser um concha y toro, ok?

Aqui, o básico do básico das fogueiras: um circulo de pedras, unidas com argamassa e mais nada, diretamente sobre a terra.Não é meu caso, já que nas áreas onde há terra no meu jardim, elas estão cobertas com grama.Postei essa só pra ilustrar de como é simples ter um cantinho pra fogueira.E as pedras impedem que o fogo se alastre pelo chão de folhas secas.

Uma versão daquela de pedras, só que mais arrumadinha, com grelha e tudo, diretamente no chão, feita com paralelepípedos e a parte de cima, de pedra tipo mineira (arenito).

E uma ideía mais clean, do site da Michelle Kaufman, uma "lata" de aço, com pedras até a boca e no meio dessas pedras, uma lata para se por querosene para tocheiros (aquela lata própria para isso, com o pavio saindo pela tampa).Achei interessante pela idéia, mas acho que não deve aquecer muito não.Mas é uma idéia para se usar por exemplo, numa varanda de apartamento, pois é bem portátil.

8 comentários:

  1. Flávio também tenho quintal na frente e fundos de casa e pretendo fazer pelo menos uma fogueira neste inverno, junto com as crianças. Elas assistiram em algum filme norteamericano, que assam marshmallow no espeto, nestas fogueiras e querem porque querem assar tb. Só não sei como isso é possível, pois este doce derrete, mas vamos tentar "torrar marshmallows", como dizem. Depois conto a historia. Abraços

    ResponderExcluir
  2. Oi Flavio,
    Adoro muito seu blog e amo suas postagens..E achei muito boa a terceira opção ,da lareira no quintal.Sempre achei que as lareiras era para areas interiores..Mas adorei,ficou incrivel..Aquela imagem é ate convidativa,pena que me falta grana tb(rsrsr)..
    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Nossa, a quarta de cima para baixo, é um sonho de consumo! Perfeita, não só como lareira mas uma área de lazer para reunir amigos em qualquer ocasião.
    Fantástica!

    ResponderExcluir
  4. Parabens, tudo de bom seu bog, sempre pensei em fazer uma fogueira na lage mas era inviavel, mas com essas opçoes amei vou fazer uma igual a sua!

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Para o meu caso de ter um terreno em que se eu puser fogo , ele irá se alatrar, como os"sábios" dos vizinhos que ateram fogo no terreno ao lado deles e este se alastrou pela mata de pínus (perfuma a rua até hoje), ter uma fogueira limitada por pedras seria o ideal.

    ResponderExcluir
  7. Acabei por desenterrar uma caixa d'água de amianto 250 litros, há 10 anos , emborcada na terra no fundo do terreno. Arrastei-a sobre tabuas que nem o sistema dos egpcíos, por rolamento, até na frente do terreno. Enchi de folhas e paus podres .Coloquei fogo e o amianto da caixa d'água não aguentou , explodiu numa lateral. Eu já prevenida com a mangueira aberta ao lado , imediatamente apaguei o fogo, Devo comprar tijolos refratários e pô-los na caixa, terei um bom lugar para queimar coisas velhas

    ResponderExcluir